GEMMA GALGANI - Novembro 2017


GEMMA GALGANI - 14 de Novembro de 2017
Mensagem de 14 de novembro de 2017 (publicada em 26 de novembro)
Origem francesa – recebida do site Les Transformations


Áudio da Leitura da Mensagem em Português - por Noemia
Clique aqui para fazer o download do áudio




Eu sou Gemma Galgani. Irmãs e irmãos na carne, que a Paz e o Amor de Cristo sejam revelados em vocês. Permitam-me comungar com vocês no silêncio ...

... Comunhão ...

Eu me apresento a vocês hoje, como portadora da Estrela Unidade.

Há muitos anos, e como vocês o poderão encontrar através de alguns testemunhos na minha vida, aos quais eu os reenvio desde já, se vocês quiserem mais explicações sobre o que vocês vão viver e o que vocês vivem. É o encontro com o invisível, com a Verdade em todos os seus aspectos, todas as suas facetas, tal como o demonstrou a minha breve caminhada sobre esta Terra.

Porque, como vocês o vivem de forma progressiva, para muitos de vocês, desde alguns anos, seus contatos com o invisível se expressam cada vez mais frequentemente, qualquer que seja o modo de operação. Todos esses contatos, todas essas experiências que lhes foram propostas e que vocês vivem, decorrem, é claro, do processo que está em curso desde muitos anos, e que vocês conhecem a finalidade. Hoje, mais do que nunca, é possível para todos e cada um, não importa os precedentes que vocês tenham vivido até hoje, de qualquer lugar que vocês se situem, em sua consciência, em sua vida.

O desdobramento da Luz e da Eternidade vos permite, de diferentes maneiras, comunicar, comungar, ver, sentir e experimentar, as relações com esses povos e essas consciências, aqui ou em outros lugares, em que eles não estejam confinados. Paralelamente a isso e paralelamente aos processos vibratórios que podem estar presentes em vocês, vocês constatam, para muitos, uma maior intensidade nessas relações. Eles se tornam não só mais evidentes, mas mais reais de certa forma. Eles vos permitem, de certa forma, essas experiências, que não servem para acumular experiências, mas para vos levar ao mais próximo do que vocês são, que não tem nada a ver com o que vocês podem conhecer desse mundo, ou até mesmo do que vocês poderiam nomear vossas vidas passadas.

O que vocês são efetivamente não depende nem do bem, nem do mal, nem de uma qualquer dimensão ou de uma qualquer forma. Eu poderia dizer que vocês São puro Espírito de Luz e puro Espírito de Amor e que todo o resto é acessório, qualquer que seja vossa forma, vossas experiências, mesmo no seio dos mundos livres. Mas tudo isso vos foi explicado e tudo isso, alguns de vocês o têm vivido com mais ou menos acuidade e evidência.

Quaisquer que sejam vossas percepções hoje, o desdobramento da Eternidade dentro mesmo do vosso efêmero, vos dá uma proximidade bem mais importante do que as experiências levadas até o presente. Muitos de vocês, além disso - como isto vos foi explicado- constatam que, além do vosso corpo, há outro corpo que vocês sentem, não apenas pelas vibrações, mas totalmente e diretamente, pela capacidade da vossa consciência de perceber, por exemplo, a localização das diferentes porções deste novo corpo que está presente agora. Isso pode ser desconcertante, mas é acompanhado, assim que vocês o veem, por momentos de maior felicidade e maior facilidade e evidência, o que quer que se desenrole no plano ordinário de vossa vida, nas vossas problemáticas, nas vossas preocupações ou vossas alegrias.

Isso significa mais do que claramente, que o Amor toma todo o espaço e que vossa consciência, em sua globalidade, está mais e mais ancorada no desconhecido que é revelado, aqui mesmo, através da consciência ordinária e desse corpo de carne, dando-vos provar para além das experiências, a Paz, a Alegria, a Certeza também e a Evidência do que está sendo vivido.

Como isto vos foi explicado, em um dado momento, além das percepções desta Eternidade, um certo número de mecanismos vão se colocar em ação, cujo objetivo é muito simples. É demonstrar-vos, pela vivência, que a Vida na Eternidade não pode ser em nada comparável com o peso do vosso mundo. Seja qual for a leveza de vossa vida, em vossos prazeres, em vossas satisfações, levando-vos, seja brutalmente ou seja progressivamente, a estabelecer-vos de forma real e concreta neste corpo de Eternidade, cujos movimentos vocês já percebem. A cena da vossa vida se ilumina e dá a ver, em certas circunstâncias, o Invisível que sempre esteve aí e do qual vocês estavam completamente isolados e separados.

Há também um mecanismo da consciência, na sua globalidade, que se traduz pelo que vos foi explicado, aí onde a vossa forma desaparece, mesmo aquela do Corpo de Estado Ser e onde não resta mais que esta Vacuidade. Então,que isso se traduza para vocês por esta Luz Branca, onde nenhuma forma pode ser distinguida, ou então mesmo como é o caso para outros entre vocês, de ver o que vocês poderiam chamar de uma tela preta onde não há nem imagem, nem cor, nem visão, nem percepção, mas da qual  fluem a Paz e a Serenidade.

Vocês entram então, se eu posso dizer, a plenos-pés na verdadeira realidade, levando-vos pouco a pouco a deslizar, se eu posso dizer, e a vos preparar de maneira completa para viver a Eternidade, que seja sobre esta Terra ou em outro lugar, não fará mais nenhuma diferença.

Mas a intensidade do que se desenrola no momento, como isto vos foi explicado, não permitirá mais, para numerosos de vocês, continuar ao mesmo tempo vossas obrigações, vossa vida efêmera, porque a Vida Eterna vos atrairá para a Beleza e a Verdade e a evidência disso, para dizer SIM à Eternidade, e SIM à Verdade.

Quaisquer que sejam vossos atrativos e vossos apegos neste mundo, há um desligamento real que vocês não têm de procurar ou pedir, mas que é a consequência direta do que se desenrola neste momento, nesta fase final da Ascensão da Terra, nesta fase de liberação.

O Amor incondicional pode vos tomar em seus braços em muitas ocasiões, não apenas em ocasiões interiores ou íntimas, ou no trabalho que vocês ainda podem nomear de espiritual. Isto quer dizer que, mesmo no seio deste cotidiano, esses processos que há algum tempo poderiam vos parecer impossíveis ou maravilhosos, revelam sua majestade em vossa consciência e são vividos então com mais e mais facilidade e evidência. E essas idas e vindas entre a consciência efêmera e o que vocês são em Verdade, são acompanhadas pouco a pouco, de um relaxamento de todas as formas de apego a esse plano onde vocês ainda estão.

Naquele momento, o que quer que aconteça após o Apelo de Maria, ou durante ou depois, mais nada das circunstâncias deste mundo, mesmo na desordem de certas situações, poderá mais imprimir em vocês o que quer que seja. Porque vocês estarão quase definitivamente estabelecidos em vossa Eternidade apesar da presença desse corpo e apesar da presença de vossos hábitos, disso que é automático em vocês.

E vocês o sabem, através e no decorrer de tudo o que vocês têm vivido até agora, que quanto mais vocês se abandonam e deixam todas as certezas concernentes a este mundo, mais a Verdade vos é oferecida ao cêntuplo e vos preenche. Não é questão aqui de possessão, nem mesmo de relação, é simplesmente questão da verdade do Amor, pois é o que se expressa agora.

Como isto vos foi dito, mesmo através de eventos às vezes efetivamente dolorosos para a pessoa, como foi o caso antes da minha morte ... tão jovem. Eu não tinha arrependimentos. Porque o que eu vivia era tão intenso, com meu anjo guardião, com meu esposo, o Cristo, que tudo o que se desenrolava neste mundo, enquanto eu estava perfeitamente viva e de alguma forma limitada, não conseguiria combater ou se comparar a aquela beleza. E isso é muito exatamente o que está em vias de vos chegar.

Então, é claro, vos foi pedido para serem humildes, simples, a fim de facilitar isso. Além disso, vocês são numerosos a constatar que, em certas ocasiões, o Estado de Ser, o estado da Luz, o estado da Verdade, se acomoda por vezes muito mal a certas convenções ao nível da vida neste mundo. Quer dizer que vocês não podem enganar, embora vocês ainda podem fingir e manter - e isto vos foi pedido - tanto quanto possível, vossas ocupações, vossas atividades, vossas obrigações e vossos relacionamentos.

A nova oitava hoje faz com que Luz se torne tal, a dose de Amor, a intensidade desse Amor incondicionado, ocupe progressivamente e às vezes brutalmente todo o espaço do que vocês são, deixando menos e menos espaço para o que poderia ser, ainda no dia anterior, vossos objetivos neste mundo e até mesmo vossa meta. O que vocês têm construído, procurado, o que vocês solidificaram, certamente vos parecerá mais e mais distante de vossas preocupações.

A Luz, o Amor, a Verdade ocupam todo o espaço de vossa consciência, às vezes forçando-vos a certos reajustamentos, que poderiam traduzir-se, vocês o sabem, no vosso corpo. Mas hoje isto se traduz diretamente na consciência, cada vez mais. E na consciência, não há necessidade de sofrimento; pode haver, por vezes, simplesmente interrogações sobre as mudanças que ocorrem e que vem romper os hábitos, mesmo os mais estabilizadores e equilibrantes. Isso não deve vos alarmar, mas bem mais vos incitar a olhar cada vez mais para o Branco, olhar para a Vacuidade, a Eternidade, o Amor que vem tomar efetivamente todo o espaço de vossa consciência e da vossa vida.

A conclusão da Ascensão da Terra e de vossa liberação não é uma palavra vã, porque agora vocês são inumeráveis a viver essa abertura ao Desconhecido e ao Invisível aqui mesmo. Mesmo que vocês não tenham palavras e explicações, que não são importantes. Mas como sempre, é a vivência que prima sobre o resto, e ao viver isso, vocês percebem a futilidade de tudo o que ainda vos mantinha ao corpo e ao coração.

Assim, para muitos de vocês, mesmo antes do chamado de Maria, vos é dado e oferecido, a possibilidade de compreender além de todas as palavras e de viver sobretudo, de forma simultânea, a superposição desta Eternidade sobre o efêmero, e essa dissolução do efêmero.

Isso diz respeito, é claro, também ao vosso corpo, mesmo antes do Apelo de Maria, como às vossas obrigações. Porque nenhuma resistência pode agora se opor conscientemente à Verdade. Mesmo vosso corpo, que ainda poderia manifestar, por hábito e comportamento certas dores, certos sofrimentos, não pode mais se manifestar. Porque o alvo agora e o ponto de impacto é sempre, e será cada vez mais vossa consciência pura, e não mais as relações com o que quer que seja e mesmo conosco. Mesmo que aqueles prossigam e se ampliem, o importante é o resultado observado e vivido no vosso peito e na vossa consciência pura. Mesmo que vocês não percebam a energia, a vibração, isso fará cada vez menos diferença.

Muitos elementos desconhecidos, portanto, se manifestam a vocês de diferentes maneiras. O que se revela no seio do Invisível, vos chama à Verdade e ao Invisível também em relação a este mundo. Este chamado se faz doravante sem descanso, em múltiplas ocasiões e, é claro, independe de estar exclusivamente ligado aos vossos relacionamentos e aos vossos momentos interiores.

Há uma forma de aclimatação que é feita, mesmo que vocês aí resistam, mesmo que vocês ignorem o que se faz, mas o resultado é sempre mais leveza, mais disponibilidade ao Amor e à Verdade. E isto é o que vos preenche, bem mais que todos os prazeres deste mundo, vos levando gradualmente a não dar mais peso aos problemas, a este mundo, ao vosso corpo, à vossa vida, aos vossos problemas como às vossas alegrias efêmeras. Porque a Verdade é uma Felicidade sem fim, com a qual, nenhum elemento deste mundo, em qualquer atividade que seja, pode ser abordado. Isso, eu o digo, mesmo na relação mais perfeita e nas experiências mesmo as mais intensas que alguns de vocês têm vivido.

Além do fato de ser às vezes interrogativos ou até mesmo desestabilizados pelo que se produzem vossa Eternidade, uma vez que as primeiras surpresas passem, vocês aquiescerão a isso, porque vocês sentirão e vocês já o sentem, que apenas isso lhe traz a verdadeira Paz, aquela que não depende de nenhuma circunstância, que vos coloca em Alegria, em Leveza, e sobretudo na visão desta Luz magnífica, em vossa tela interior, aí onde nada mais é necessário, porque tudo aí está incluído.

Então, é claro, no meio do fluir de vossa vida, podemos considerar que há um lado que vocês têm a levar: o efêmero. Do outro lado você tem a Verdade, o Absoluto. E entre os dois, vocês têm o terreno das experiências do que se reencontra e que dá uma mistura dos dois, por vezes desconcertante, por vezes explosivo, mas que não deixa nenhuma dúvida sobre a verdade do Amor e da Luz.

Não se trata mais simplesmente de experiências, sejam elas as mais fabulosas. Não se trata mais somente de estados de Êxtase, mas, como já foi dito, como uma forma de Íntase, chamada a tornar-se perpétua, ela também, eu diria mesmo além de todas as vibrações e todas as experiências, porque vivendo isso apenas uma vez, vocês não podem questionar a veracidade do que é.

Vocês se reconhecem, verdadeiramente! Não através de uma história, não através dos vossos afetos, vossos prazeres, vosso personagem, mas verdadeiramente em Eternidade. E lá, vocês o constatam, há leveza, contrastando ainda mais com o que pode vos golpear no seio do vosso efêmero, mesmo nos aspectos mais insignificantes, eu diria.

Isso vos permite não mais vos limitar, vos medir, mas sim medir verdadeiramente, com precisão, a enorme diferença entre vossa vida no seio da pessoa e a vida em Eternidade. Não se esqueçam de que vocês reencontram o que vocês sempre foram e que o véu do esquecimento, ligado à encarnação neste mundo, se dissipa agora muito rapidamente. Aqui também, isto representa uma oportunidade e, em algum lugar, uma graça consequente, de poder descobrir e viver, o que há algumas décadas, estava reservado exclusivamente para certos seres que aí estavam predispostos. Mas hoje, cada um de vocês está predisposto a isso. Para vivê-lo, para reconhecê-lo, para aceitá-lo como uma Evidência tal, que tudo o que poderia restar dentro do efêmero vos concernirá cada vez menos, resultando, como vocês o sabem, no momento do Apelo de Maria, na estase e no desaparecimento deste mundo, vos levando a ressuscitar, a renascer novamente como Cristo havia dito.

O mais frequente, especialmente se vossa vida é calma, isto se faz com facilidade, evidência e serenidade. O êxtase pode se conjugar, se casar com Íntase, com a tela branca ou a tela preta, não importa, mas ali onde não há mais nada além da pureza da Vacuidade.

Vocês não poderão mais confundir o que às vezes o ego poderia chamar de nada com essa Verdade sublime. Por que isso, eu vos lembro, está inscrito, apesar do confinamento, no fundo do vosso peito. Além disso, nenhuma vida poderia se manifestar, qualquer que fosse o confinamento, se não houvesse esta centelha de Vida, essa centelha chamada divina, essa Chama, que somos, todos e cada um de nós.

Então, quaisquer que sejam, eu diria, suas perguntas, às vezes até suas necessidades de explicações ou de compreensão, vocês não poderão mais duvidar do que é vivido. Isso será cada vez menos fugaz e cada vez mais presente no seio do efêmero e aumentará acima de tudo o Amor que é manifestado e irradiado neste mundo. Vocês descobrirão sem nada procurar, a evidência da Doçura, a evidência da Transparência e da Infância. Não se trata mesmo de uma via a tomar nem de um caminho a percorrer, mas tão simplesmente se render à evidência que aí está, em qualquer intensidade que seja. Vocês constatarão que esta paz não pode ser alcançada em nenhum estado de oração, de meditação ou mesmo em qualquer modo de vida, se não for dentro de vosso peito.

É nisso que bem o Comandante quanto outros intervenientes disseram recentemente que era a fase final da Ascensão da Terra e a fase final de vossa libertação que foi chamada de liberação, eu creio. E é isto verdadeiramente que vocês vão viver. Como uma liberação do peso, do pesado, como uma liberação do que não faz mais do que passar, que vos enche de alegria ou medo, mas que não faz mais que passar. Vocês descobrem a imutabilidade do Amor para além de todas as formas e, sobretudo, de todas as histórias. De certa forma, há uma atualização do Juramento e da Promessa antes do Apelo de Maria. Porque as circunstâncias se produzem assim, e elas são ditadas pela Inteligência da Luz, o que vocês observam no mundo e que vocês observam em vossa vida.

Isso quer dizer que, além de todo sofrimento, que eles sejam corporais, sociais ou psicológicos, há esta Verdade que vos aguarda. Tudo depende de para onde vocês girem vossa consciência e vossos olhos, mas vocês não poderão voltar o vosso olhar para ambos os lados ao mesmo tempo. Vocês não o desejarão mais! Porque a leveza é preferível aos prazeres deste mundo e porque a Verdade nunca acaba.

Não há nada a sopesar, a limitar, mas há o apenas a se render à Evidência. É verdadeiramente assim que acontece e acontecerá. É neste sentimento de Liberdade e nesta experiência de Liberdade interior que vocês vão entender, em algum lugar, que tudo o que vocês fazem neste mundo é apenas um jogo mórbido. Mesmo nas atividades mais salutares de ajuda, vocês não fazem mais que manter de fato a ilusão. Somente no Amor, no Cristo se quiserem, se encontra a Verdade e o Contentamento, que nunca pode parar. E é por viver sem procurar, ao experimentá-lo, que vocês demonstram-se a si mesmos, porque não pode haver algum argumento válido em vista do Amor, em vista da liberação.

Fiquem humildes e fiquem simples. Nós o temos repetido inúmeras vezes. Continuem a deixar a vida vos viver. Continuem o vosso efêmero se a Luz o permitir. Não são mais vocês que decidem fazer isso ou aquilo. Vocês não são, de agora em diante, que decidem meditar ou viver tal experiência, porque a injunção e a impulsão da Luz e a impulsão Metatrônica não vos deixam mais a escolha, e vocês o deixarão pouco a pouco. Não pode haver justificativa, nem algum atraso, doravante, para a manifestação da Luz, da vossa Eternidade, da Verdade.

O que, mesmo hoje, ainda pode parecer, às vezes, hesitante ou resistente, terá pouca oportunidade para se manifestar a partir de agora. O que quer que vos diga o vosso entorno, o que quer que digam vossas obrigações, o que quer que a sociedade diga sobre isso. Porque vocês estarão tão firmemente estabelecidos nesta Verdade do Amor, na vossa vivência, que nenhum argumento poderá sustentar, poderá trazer-vos de volta às coisas que estão desatualizadas e apenas passam e que são quase definitivamente passadas agora.

Então, é claro, isso mudará vosso olhar, mudará vosso estado, mudará vossos relacionamentos com o mundo e tudo o que resta, assim como com vocês mesmos. Além dos primeiros momentos de aprendizagem, como eu disse, vocês compreenderão muito rápido aí onde está a Verdade e aí onde ela não está e isso além de toda explicação, de toda palavra e de toda experiência.

Vossos olhos brilharão de uma maneira nova, real e concretamente. Os vossos sentidos habituais, que vocês conhecem, é claro, serão magnificados em algo diferente, profundamente maior e profundamente mais justo.

Seja o que for que se desenrole, contentai-vos em acolher, em olhar e, à medida da revelação da Eternidade, de aquiescer e constatar a Paz, a Alegria que cresce, que vocês nunca conheceram antes, que não fosse em vossos momentos interiores ou em vossos contatos com a natureza ou conosco ou em Teofania.

Isso significa que se produzirá inesperada e espontaneamente, sem procurar nada, é claro, sem pedir nada, sem esperar nada. Quanto mais vocês estiverem presentes e quanto mais vocês estiverem disponíveis, mais vocês são humildes e transparentes, mais isso se produz com facilidade e com mais e mais persistência. Vocês vão sorrir então de si mesmos e a verdadeira compaixão será expressa do vosso Coração para cada vida, cada consciência, cada erro.

Haverá cada vez menos oportunidade de discutir, argumentar, justificar, ainda uma vez, porque esta Evidência será tal que não precisa de nenhuma justificação e ainda menos de demonstração. O que se opera desde alguns dias é realmente isso, sem nenhuma dúvida possível, e repito novamente, se vocês viveram os processos chamados de vibrações ou não, não muda nada.

E vocês também sabem que há irmãos e irmãs, e talvez até entre os seus muito próximos, que devem ignorar tudo isso e não viver nada disso até o Apelo de Maria. Esta não é uma punição, muito pelo contrário. Esta demora e esta latência são necessárias para essas irmãs e irmãos, por várias razões, além disso. É inútil saber, mas simplesmente entender que tudo realmente, concretamente e definitivamente está em seu justo lugar em qualquer aparência que isto tome em vossa vida ou no caos do mundo, que chega em grandes passos.

O importante não é o caos. O importante não é esse mundo. Mesmo que seja sobre este mundo que foi necessário encarnar e é assim que vocês o têm manifestado e é assim que vocês o viverão. Mas em algum dado momento, mesmo isso deve ser soltado e não são vocês quem decide: é a intensidade do que vocês são.

Então, que isso aconteça ou que já tenha acontecido, o período é mais do que propício agora para realizar isso. E lembre-se que isso se realiza sozinho. Mesmo se vocês amam - e isso foi recomendado para vocês - sair na natureza, trocar através da Teofania, conhecer os Povos da natureza ou, ao pé da sua cama, alguns Anciãos, algumas Estrelas ou Povos galáctico, com reminiscências que estão se tornando mais e mais precisas agora.

E eu vos garanto, eles não são sonhos, mesmo que vocês tenham tendência a chamá-los ainda assim. É realmente o que vocês vivem. E é a vossa vida que irá aparecer para vocês cada vez mais como um sonho, ou para alguns, como um pesadelo, quaisquer que sejam os prazeres e as posses que vocês tenham, porque aí vocês terão percebido que tudo isso não tem mais que um tempo e não vos serve em vossa Eternidade.

Muitos numerosos místicos vos mostraram isso, mas eles eram seres, na época, que tinha um caminho particular. Nós somos muitas Estrelas a vos ter explicado e a vos dar inúmeros testemunhos. Onde quer que vocês voltem o vosso olhar, tanto no Ocidente como no Oriente, como na Ásia, como na Arábia. Vocês têm seres que puderam, pelo seu Amor e sem o querer, se extrair da ilusão, eles não estavam fugindo de nada, eles buscavam simplesmente o Amor.

Hoje o Amor vos encontrou, tantos quantos vocês são, que vocês o sintam, que vocês o vivam ou não, porque o Amor está em toda parte e a Alegria está em toda parte. Mesmo se o que vocês podem constatar, num primeiro tempo deste propósito, é que de fato isto pode ser conflitante, pode fazer guerra. Isto pode parecer tornar a vida difícil. Mas a vida real está em vocês, não está no exterior! É disso que vocês tomam consciência.

O reino dos céus está dentro de vocês e não em qualquer circunstância desse mundo, em alguma representação desse mundo, vos levando a compreender, o que vos têm afirmado Bidi e também outros Anciãos, na maioria das vezes de origem hindu, que vos disseram que este mundo era Maya, ilusão total. E é, portanto, neste mundo, que vocês têm de encontrar isso. Mas o que vocês têm de encontrar ou o que se encontra em vocês, não permite mais jogar o jogo da ilusão, e o permitirá cada vez menos, e isso independe do que vocês pensam. E, além disso, vocês o sabem, no momento do Apelo de Maria, ninguém pode atender a qualquer ocupação, que isso seja mesmo em resistência. Então, não resistam!

Agora que o Amor vos encontrou, acolham! Acolham sempre e ainda mais a Luz. Não perguntem nada, deixem-se atravessar e seguir as linhas de evidência, de facilidade.

Eu não falo sobre os prazeres ou as coisas que vos fariam evitar o inconveniente de qualquer situação que seja. Porque às vezes vocês têm que passar por eles novamente, mas enriquecidos desta Verdade. Isso significa que, qualquer que seja vosso estado de humor ligado a uma situação, uma perda, um sofrimento, uma doença, a Alegria tomará a frente e o Amor também, e é isso que põe fim à ilusão, à Maya. Vocês, vocês estão tão vivos, enquanto esse mundo está morrendo. Mas ele morre, não porque seja o fim da vida, quaisquer que sejam as aparências, quaisquer que sejam as poluições, a degeneração, de tudo o que vocês veem em toda parte.

Se vocês veem o Amor isto não representa mais nada. É apenas o ego que não superou, de alguma forma, a sua crença na sua imortalidade, que reage e pede para agir.

O Si ainda quer projetar a Luz e pensar que tudo irá melhorar, mas aquele que está na Verdade sorri de todos esses jogos, de todas essas ilusões. Ele não os condena. O Amor não é jamais um retificador de erros. Ele se contenta em estar aí, tão simplesmente como vocês estão, e deixar a Luz trabalhar.

Claro, em alguns casos vocês precisam de vossa pessoa. Mas, mesmo nisto, vocês vão constatar que, se vocês confiam primeiro no Amor e na Luz que estão aí, o esforço será muito menor e os eventos que devem ser resolvidos na tela de vossa vida efêmera, serão resolvidos de uma maneira muito mais fácil. E aí também, apesar do sofrimento inicial, em toda leveza, e sobretudo, em toda a Evidência.

Quem seria tolo, mesmo o mais ateu, aquele que não crê em nada, quando vê isso, para resistir ao Amor?

Haverá então inúmeras mudanças de pontos de vista e de posicionamentos em que irmãos e irmãs ao vosso redor, talvez até muito próximos, que se opuseram a essa noção do fim do mundo, de um mundo, vão perceber que esta é a Verdade.

Outros também, talvez, entre vossos parentes, se coloquem cada vez mais em oposição e em confronto com vocês. Porque aquele que tem medo vive o intolerável do Amor que vê no outro ... para ele é intolerável. E como vocês se tornam visíveis através do vosso olhar, através do que vocês são, não se surpreendam com as reações às vezes particulares. Mas essas reações não vos desestabilizarão. Elas são apenas, para quem as emitem, uma maneira de aceitarem. Mas, vocês também o verão, vocês não poderão ter ressentimento por ninguém, se ainda for o caso. Vocês só podem ser o que vocês são e nada mais.

Quaisquer que sejam vossos traços de personalidade ou traços relacionados às vossas origens estelares - que como vos havia sido explicado - representavam até agora por vezes um certo desconforto, uma certa resistência para ver a Verdade – eles se manifestarão cada vez menos. Então vocês vão rir vocês mesmos de vossa raiva, de vossos hábitos, de vossos males, de vossos comportamentos, vossas atitudes, face a si mesmos e face a todos os vossos relacionamentos. Vocês não poderão enganar, vocês não poderão mentir, mesmo que vocês o queiram, vocês não poderão ser senão verdade. Quem pode então, nesse momento, ainda escolher o conflito, o carma, a evolução diante dessa intensidade de Alegria e Verdade?

Então, é claro, vos foi dito que, por vezes, tudo desaparecerá: vossos sentidos, vosso corpo parecerá oscilar, vibrar, ser recoberto com outra coisa. Mas a Alegria estará lá! Passadas as primeiras inquietudes e as primeiras questões lógicas de vossa mente ou do observador. O próprio observador, como vocês entenderam, desaparecerá em Alegria. Porque não haverá nada mais para perceber do que o Branco de vossa própria Chama da Vida e de Eternidade.

Então, os dias que esperam por vocês e que vocês já vivem, qualquer que seja sua aparência, não são nada comparados a essa Verdade. E isso vocês o constatarão vocês mesmos. Eu já disse, vocês não terão nada para pesar ou sopesar. A evidência será tal que vocês não terão mais necessidade de palavras, nem de vossa razão, nem de um aviso exterior ou mesmo de uma confirmação do que quer que seja. Assim é o Amor, e assim é a Verdade em emanação por toda parte sobre a terra. E vocês o veem além do jogo de vossas sociedades em todos os países, a ação dos elementos a qualquer nível que seja. Mas, mesmo ao nível da sociedade, em qualquer país, em suas diferentes formas, é claro, dependendo de como os países funcionam, há uma sede de liberdade que nada pode entravar. Mesmo que isso seja expresso com violência ou com reivindicações falsas. Vocês verão que, por trás disso, existe apenas a sede da Liberdade e o apelo da Verdade, nada mais. Mesmo que as pessoas não o possam formular ou explicar, mesmo que isso seja estranho na forma como é expresso ou reivindicado. Porque ninguém pode escapar da liberdade, vocês sabem disso.

Então, é claro, as forças que se opõem a esta Liberdade estão jogando, de qualquer modo seu vale-tudo, com uma necessidade de controle, repressão e confinamento em todos os níveis. Mas muitos de vocês já não são mais enganados. Não porque vocês veem claramente as coisas, elas sempre estiveram aí, não mais do que antes, mas porque vocês chegaram tão próximos da Verdade, que isso parece intolerável e insuportável para vocês. Tenham certeza, vocês também o sabem, a Luz se encarrega e se encarregará mais e mais disso. Vocês só precisam ser vocês mesmos. Vocês não têm nada a empreenderem em relação a essas falsidades que são vistas. Que isso seja em vossa casa ou na tela de vosso país, de vossa região, vossa família, vossos vizinhos, vossos irmãos e irmãs que vocês frequentam regularmente.

Naquele momento vocês terão realmente compreendido, e isto está em vias de se produzir agora. Eu falo no futuro, mas não é amanhã. Isso se produz para cada um de vocês, certamente com diferentes intensidades, mas o processo, se posso dizer, está definitivamente desencadeado. E vocês bem imaginam que, em algum momento, o Apelo de Maria ou não, a visibilidade de Nibiru ou não, a situação será insustentável para os povos, para indivíduos, para famílias. Mas não é grave; a situação é insustentável porque ela não tem mais que ser mantida. Ela então vos engajará a se voltarem definitivamente ao Coração, ignorando vossas obrigações, vossa família, vossos filhos, vossos pais, ignorando todas as vossas responsabilidades. Mas nisso vocês não terão escolha, vocês não terão que decidir, e isso faz toda a diferença.

Nós sempre lhe dissemos para levar vossa vida ao melhor que vocês poderiam. Mas hoje, o estágio de desdobramento da Luz muda o jogo, se posso dizer. Porque o Amor quer todo o lugar, ele não se acomoda com nenhuma mentira, e tudo isso que é falsificado, tudo o que está oculto explode na figura daquele que o esconde ou que o tem falsificado.

Isso não é uma retribuição, não está relacionado a qualquer carma, mas é justo o restabelecimento completo da Luz, antes do Apelo de Maria e antes da Ascensão da Terra e vossa liberação final. O que mais vocês querem? As provas serão abundantes todos os dias, em torno de vocês, como em vocês. Não se fiem nas aparências. Deixem vosso Coração ver o que há por trás das aparências, de todos os sofrimentos, de todas as animosidades, de todos os conflitos; vejam a liberdade que está por trás.

Nada é contrário à Luz. Quantas vezes nós vos dissemos? Seja qual for a experiência, seja qual for a dor, porque doravante a dor é resolvida no Amor, qualquer que ela seja. Não há outra alternativa, não há outra possibilidade. Não há mais que Amor e Verdade. E isso faz uma combinação muito ruim com vosso personagem, seja ele o mais refinado, até mesmo o mais liberado que seja.

E tudo é simples, e mais certas situações serão complicadas, mais a simplicidade estará no vosso interior. Buscai o Reino dos Céus que está dentro de vós, e todo o resto vos será dado em acréscimo.

E aí vocês não têm mais que procurar. Eu vos disse: a Luz vos encontrou, individual e coletivamente! Quaisquer que sejam as aparências, quaisquer que sejam os eventos anunciados que devem ocorrer para avançar em direção a mais liberdade. Não no seio deste mundo, porque a liberdade neste mundo não quer dizer nada. Seja qual for o dinheiro que vocês tenham, qualquer que seja a bem-aventurança que vocês tenham.

Sempre haverá um contingenciamento ligado à vossa forma e sobretudo à vossa morte e ao esquecimento, qualquer que tenha sido a intensidade com que vocês viveram. Por outro lado, a verdadeira vida em Amor, tal como eu vos contei e tal como as minhas irmãs Estrelas o contaram, onde quer que vocês olhem, quando vocês veem a vida dos Santos, dos Místicos, pode vos parecer tão inacessível e tão distante de vossos interesses, do que vocês tinham a fazer neste mundo. Mas vocês vão compreender por que esses Seres tenham tudo abandonado - olhem entre os primeiros místicos que seguiram a Cristo, seres como aquele que foi chamado São Francisco de Assis, que era extremamente rico e que fez voto de pobreza – isto vos concerne, doravante, a cada um. Não há nenhuma circunstância e nenhum obstáculo que retenha isso que vos pede a Luz que vocês são. E quanto mais vocês aquiescem, mesmo que isso tome a forma do que vocês poderiam chamar de sacrifício, na consciência ordinária. Essa noção de sacrifício terá todo um outro valor para vocês. Porque o sacrifício não é um. Ele vos permite reencontrar o Sagrado e sobretudo viver vossa Ressurreição, sem qualquer animosidade, com evidência.

Então, digam SIM ao Amor! Digam SIM à Verdade! Vocês não têm outra coisa a fazer, apenas justamente aceitar o que se vive e quando isso é difícil viver, voltar-vos para dentro! O Amor está aí! Mesmo que vocês não percebam as vibrações, as energias, a vossa consciência sabe disso. Vosso pensamento também, mesmo que ele seja contrário ao Amor, através do que você atravessa, que isso seja ressentimento, dor, medo, sofrimento, apreensão, nenhum desses elementos pode se impor quando o Amor se manifesta.

Então sim, eu vim dizer-vos, de vos alegrar a cada minuto. De desfrutar vossa vida a cada minuto com intensidade. Que isso seja mesmo nas relações efêmeras. Que seja nas comunicações com os outros planos. Que seja no seio de uma história que se acaba. Que seja dentro de uma doença. Não se esqueça de que o bálsamo do Amor está doravante acessível a todos com mais e mais intensidade, com cada vez mais evidência.

Em um dado momento, o Comandante vos disse há muito tempo: "Coloquem o Amor em todos os lugares, na frente, atrás" aí, vocês não precisam mais colocá-lo. Ele já está lá! Vocês só precisam vê-lo. Aceitar olhar para dentro de vocês e não julgar as aparências, mesmo as mais opostas, aparentemente, à Luz. Elas estão lá apenas para deixar eclodir a Alegria da Luz e nada mais, em qualquer situação que seja. Aceitem isso e vocês irão verificá-lo sem qualquer dificuldade, com o passar dos dias.

Vocês nunca estarão mais prontos do que agora. E vocês estarão cada dia mais e mais prontos para viver o que é para viver, o Apelo de Maria, a confrontação, tudo o que foi anunciado. É nisso que vocês ajudam e servem a humanidade e permitem suavizar o que deve acontecer e ser atravessado por vocês como por cada um.

Mesmo que às vezes, de fato, isso reclame ações específicas do vosso personagem. Emitam uma intenção, confiem-na à Luz e deixe-a se desdobrar. Vocês não precisam se implicar demais.

Estas foram minhas palavras. Resta agora a viver juntos uma Teofania com sua pequena Gemma. Se vocês bem o quiserem, onde quer que estejam neste instante preciso onde vocês estão ouvindo, onde vocês estão presentes, onde vocês estão lendo, isso não faz diferença, porque o que eu vos proponho está além do tempo e além do espaço, é claro.

E eu estou presente em cada um de vocês, aqui ou além.

Então é hora de fazer silêncio agora e de nos acolhermos uns aos outros em Verdade, em Unidade, em Fraternidade, na Paz de Cristo.

... Teofania ...

Eu sou Gemma Galgani, vossa irmãzinha, Estrela Unidade; eu vos amo e eu vos ofereço todas as minhas bênções em toda simplicidade, em todo Amor.

Eu sou Gemma Galgani, eu vos digo até sempre, minhas irmãs e irmãos da carne.

Nós nunca mais nos deixaremos, então eu vos digo até sempre.


                                             ***

Tradução do Francês: Nice Henz Luz



PDF (Link para download) : GEMMA GALGANI - NOVEMBRO 2017


6 comentários:

  1. Porque o alvo agora e o ponto de impacto é sempre, e será cada vez mais vossa consciência pura, e não mais as relações com o que quer que seja e mesmo conosco.
    .........
    Continuem a deixar a vida vos viver. Continuem o vosso efêmero se a luz o permitir. Não são mais vocês que decidem fazer isso ou aquilo. Vocês não são, de agora em diante, quem decide meditar ou viver tal experiência, porque a injunção e a impulsão da Luz e a impulsão Metatrônica não vos deixam mais a escolha, e vocês o deixarão pouco a pouco. Não pode haver justificativa, nem algum atraso, doravante, para a manifestação da Luz, da vossa Eternidade, da Verdade.
    .........
    Vocês nunca estarão mais prontos do que agora. E vocês estarão cada dia mais e mais prontos para viver o que é para viver, o Apelo de Maria, a confrontação, tudo o que foi anunciado. É nisso que vocês ajudam e servem a humanidade e permitem suavizar o que deve acontecer e ser atravessado por vocês como por cada um.

    ResponderExcluir
  2. Em um dado momento, o Comandante vos disse há muito tempo: "Coloquem o amor em todos os lugares, na frente, atrás" aí, vocês não precisam mais colocá-lo. Ele já está lá! Vocês só precisam vê-lo. Aceitar olhar para dentro de vocês e não julgar as aparências, mesmo as mais opostas, aparentemente, à Luz. Elas estão lá apenas para deixar eclodir a Alegria da Luz e nada mais, em qualquer situação que seja.

    ****

    Fiquem nesse imensurável Amor, Sara.

    ResponderExcluir
  3. Gratidão as tradutoras e a este blog, por disponibilizar tão importantes mensagens, que trazem muita lucidez e confiança, para os momentos que estamos passando e vamos passar. LUZ E PAZ PARA TODOS.

    ResponderExcluir
  4. "(...) Quaisquer que sejam vossos atrativos e vossos apegos neste mundo, há um desligamento real que vocês não têm de procurar ou pedir, mas que é a consequência direta do que se desenrola neste momento, nesta fase final da Ascensão da Terra, nesta fase de liberação.(...)"

    "(...) os dias que esperam por vocês e que vocês já vivem, qualquer que seja sua aparência, não são nada comparados a essa Verdade. E isso vocês o constatarão vocês mesmos. Eu já disse, vocês não terão nada para pesar ou sopesar. A evidência será tal que vocês não terão mais necessidade de palavras, nem de vossa razão, nem de um aviso exterior ou mesmo de uma confirmação do que quer que seja. Assim é o Amor, e assim é a Verdade em emanação por toda parte sobre a terra. E vocês o veem além do jogo de vossas sociedades em todos os países, a ação dos elementos a qualquer nível que seja. (...)"

    "(...) Vocês nunca estarão mais prontos do que agora. E vocês estarão cada dia mais e mais prontos para viver o que é para viver, o Apelo de Maria, a confrontação, tudo o que foi anunciado. É nisso que vocês ajudam e servem a humanidade e permitem suavizar o que deve acontecer e ser atravessado por vocês como por cada um.(...)"

    ...................

    Em alegria e paz, confiança e gratidão!!!

    ResponderExcluir
  5. Quaisquer que sejam vossos traços de personalidade ou traços relacionados às vossas origens estelares - que como vos havia sido explicado - representavam até agora por vezes um certo desconforto, uma certa resistência para ver a Verdade – eles se manifestarão cada vez menos. Então vocês vão rir vocês mesmos de vossa raiva, de vossos hábitos, de vossos males, de vossos comportamentos, vossas atitudes, face a si mesmos e face a todos os vossos relacionamentos. Vocês não poderão enganar, vocês não poderão mentir, mesmo que vocês o queiram, vocês não poderão ser senão verdade. Quem pode então, nesse momento, ainda escolher o conflito, o carma, a evolução diante dessa intensidade de Alegria e Verdade?

    Então, é claro, vos foi dito que, por vezes, tudo desaparecerá: vossos sentidos, vosso corpo parecerá oscilar, vibrar, ser recoberto com outra coisa. Mas a Alegria estará lá! Passadas as primeiras inquietudes e as primeiras questões lógicas de vossa mente ou do observador. O próprio observador, como vocês entenderam, desaparecerá em Alegria. Porque não haverá nada mais para perceber do que o Branco de vossa própria Chama da Vida e de Eternidade.
    Maravilhosa pequena Gema
    Grato a Nice Henz
    De coração a Oração em unidade

    ResponderExcluir
  6. Fazer esta aguardada passagem, liberação, com esta Estrela Amiga, poderia ser neste exato momento, o "Apelo da Mãe', pois é possível de perceber que os últimos resíduos resistentes, serão como 'sorvete no Sol', sem resistência...rs

    - ... "O Amor toma todo o espaço e que vossa consciência, em sua globalidade, está mais e mais ancorada no desconhecido que é revelado, aqui mesmo,"...

    - "A cena da vossa vida se ilumina e dá a ver, em certas circunstâncias, o Invisível que sempre esteve aí e do qual vocês estavam completamente isolados e separados."

    - "Eu vos disse: a Luz vos encontrou, individual e coletivamente!"

    - "O Amor está aí! "

    Bem diante deste 'Carinho Celestial', vale a pena, esta Entrega Total, com Alegria, pois finalmente o 'fim desta ilusão, é Agora!!!!

    Paz, Amor, Luz, ... Sempre!!!!!!

    ResponderExcluir